Posts Tagged ‘today’

Today is already Tomorrow…

July 6, 2010

Yesterday is gone…
Tomorrow never comes…
I’m tired.
But I’m just splited fifty-fifty, I cannot move myself and I do not know what to do without you here…
I’ve thought about you during all day, I miss you tonight.
I want to live a love, I want to live a dream…
I’m dreaming about it… but I want to do that always and with you close to me!
(It’s almost 5h00 and a lot of bullshit start to come out… sorry but my txt was true)

:s

...

.

Note: This img has been reblogged

Super quero…

March 1, 2010

Sim, eu super quero um amor assim, daqueles melhores do que os de cinema!
Um amor que chegue de mancinho e que tome conta de tudo e por completo, que seja lotado de histórias incríveis!
Quero um amor repleto de vontades e expectativas que possam ser satisfeitas, um amor com algumas frescuras e toleráveis contradições, cheio de carinho e desejos, com algumas pequenas diferenças e ainda assim com tantas similaridades.
Eu super quero um amor real, que seja vivo, que saiba e que goste de conversar sobre nada e sobre todas as outras coisas também…
Quero um amor que tenha paciência, que dê conta de esperar pelo ‘depois’, que consiga surpreender a si mesmo e ao outro, que saiba aprender e também que saiba e possa ensinar.
Eu quero um amor que conheça e faça bom uso da verdade sempre que preciso, que pense em si próprio, mas que jamais tire o outro do pensamento…
Que seja um amor intenso, suave, duradouro, divertido, honesto, convencido, cheio de manias e exageros, mas sem muitos medos ou vícios do passado!
Eu super quero um amor que saiba amar como se fosse essa a primeira vez! Que dê conta de compartilhar, que desconheça cobranças ou ciúmes.
Um amor que me tenha como única, que queira fazer parte dessa minha história, que saiba ver beleza e que aprecie conteúdo, que ame o novo mais do que tudo…
Eu quero um amor que acredite no impossível, que não canse de sonhar, que seja grande e que de tão grande não caiba em nenhum lugar exceto aqui dentro de nós mesmos!
Um amor que não tenha receio do desconhecido, que seja singular…
Eu super quero um amor que tenha paixão, que dê e que saiba merecer respeito, que consiga se fazer presente mesmo estando um pouco distante, que tenha fogo e que aqueça sem sufocar ou machucar.
Quero um amor que mostre aquilo que ambos precisam ver, que seja muito mais do que aquilo que se busca, que saiba comunicar através de gestos e olhares, que ultrapasse barreiras lingüísticas, que dê sinais e indique o caminho certo a se seguir…
Eu super quero um amor sem dúvidas e disposto a superar obstáculos se precisar sem perecer, um amor que seja louco, corajoso, esperto, dinâmico, presente, que me inspire e me traga sorte, que seja constante!
Um amor que seja ontem e hoje forte e que amanhã possa ser ainda mais do que hoje é e sempre melhor!

.

Isn’t true that you want it too?!

Random thoughts…

February 17, 2010

Alguma coisa no meu mundo mudou e Milano perdeu um pouco da graça ‘ontem’ sem querer.

Eu estive a half-way de quase tudo aquilo que eu sempre quis, mas agora pela segunda vez, eu estou distante, distante daquele que eu aprendi a querer tão bem e muito rapidamente! Mais uma vez na minha vida é “tudo” ou “nada”, “agora” e não “depois” If i could  I’ll do everything for you!

O difícil pra mim é conseguir encontrar uma linha do meio… na verdade acho que isso não mudaria o meu jeito de ser… mesmo detestando as vezes eu gosto de quem eu sou. Eh, pra me entender tem que aprender a ler nas entrelinhas ou se acostumar com esses meus exageros e up’s and down’s sem fim e inexplicáveis “sim’s” e “não’s” sometimes…

Eu vi por muito tempo a chuva cair lá fora e aqui dentro estava tudo meio vazio. E eu desejei ao vento que o tempo passasse veloz de novo, o quanto antes, até ter de novo os nossos caminhos cruzados mais uma vez! Mas acho que até lá, nada mais me parecerá caber ou estar no lugar certo. Eu olho em volta e não estou encontrando o que preciso… (mas por favor, não se preocupe comigo isso logo passará e, como eu te disse ontem eu estou bem, de verdade. Esses são somente um milhão de pensamentos passando pela minha cabeça desordenadamente e que eu preciso colocar pra fora só isso e nada mais).

Hoje azul não é a minha cor favorita (na verdade nunca é), não para se vestir do lado de dentro… Pra não cair sozinha eu estou repetindo pra mim mesma: “distância não existe, distância não existe, felicidade é logo ali!”. Incrível, mas eu admito já sentir um pouco a sua falta…  Eu sei que saudade não mata, ainda bem, mas que incomoda bastante, e isso é fato! Eu não consigo parar de pensar em você, de relembrar da gente aqui juntos. Engraçado porque que eu já estava realmente me acostumando a ter você por perto sempre comigo…

Mas eu já me convenci 200% de que esse mundo é mesmo louco demais, estranho demais, perdido demais, maravilhoso demais, incompreendido demais e por isso eu quero e vou te ensinar tudo o que sei sobre mim…

Eu juro que desejaria estar agora num lugar que não fosse aqui; e eu me contradigo quando afirmo querer algo que não deveria ser meu – eu não sei se te mereço, bom demais pra ser verdade you know.

Hoje eu estou cheia de pensamentos random e eu não sei o que fazer com todos eles…Eu me esqueço de coisas importantes a fazer, mas eu sempre me lembro de pequenos momentos e faço do meu tempo livre um verdadeiro review! Como dizem “recordar é viver” e eu vivo mesmo aos trancos mas eu vivo e tento sempre aproveitar ao máximo nem que seja do meu jeito melancólico de ser as vezes…

Eu sei que para tudo existe uma razão de ser que e eu simplesmente não consigo entender por mais que eu tente certas sobre certas coisas… mas enfim acho que a verdadeira mágica da vida é não saber o que vem depois. Eu só desejo estar pronta para o que me espera…

E você esta pronto para o que eu posso te dar?!


#esse é um tipico txt de quem estava com muito sono mas morrendo de vontade de escrever!

3,2,1…

February 12, 2010

I had spent my time counting days.
Yeap, I did it since that I came back from London last month and just for one special reason: to be with him again. Hmmmm thinking better I would venture myself to say with more than 100% of sure that we both had done the same (yes, we think so alike and we are perfect on our own way!).

I must to confess that he have the power to make my day worth with one simple ‘hello gorgeous’ and this is awesome!
Also he can always makes me happy even being faraway from me and smile lots (people usually say to me that I’m so pretty smiling…so this is good – I think). Anyway, I simply love myself when I’m okay!

Well and this is ‘why’ I have expecting for today anxiously. Really I cannot realize that in a few hours we will be together again after have been apart for a while:

1641600 seconds…
27360 minutes…
456 hours…
well 19 days…

I know that definitely wasn’t so much time but was enough to makes me miss him a lot! Never mind, the important thing is that he is coming to visit me!

For my luck during all those days seemed that we were ‘together’ even with 1.310km between us… Perhaps because we were in touch all the time, every single day and yes we are connected by many different ways so we can reach ourselves almost 24/7 (sometimes he need to sleep…but it’s ok).

I can’t wait to see again his beautiful smile, to look into his deep blue eyes, to have his touch, to listen he speaking to me with his British accent so hot, well to be on his arms – all this is so magnific! #blushing
I have no words to describe it and I say: I never ever felt myself this way before!
I’m very glad and grateful to had found him without looking for… and this is so cool!

I am convinced: I’m the most happiest girl ever… for me he is one in one million!!! Tks a lot boy just to be how you are! #L
So I will finish this post with one song that I like… ‘Come Together / Primal Scream‘ is really hot and also rock my world!

Enjoy the lyric:

“Kiss me, won’t you won’t you kiss me
Won’t you won’t you kiss me
Lift me right out of this world
Trip me, won’t you won’t you trip me
Won’t you won’t you trip me
Lift me ride me to the stars
I’m free you’re free
I want you to touch me
Come touch me
Now it’s all too much
All too much
All too much
Come together oh oh…”

2010 Wishes

January 1, 2010

Eu quero continuar desejando o novo a todo instante…vivendo a vida como se não existisse amanhã.
Eu quero ser capaz de tornar realidade metade das coisas que eu desejo todos os dias.
Eu quero que nada nunca me falte, que quase tudo sempre me sobre e que tudo não seja ainda o bastante.
Eu quero tudo isso e muito mais pra mim e pra vc!

Eu quero me perder e me encontrar sem ter satisfação pra dar…
Eu quero paixões de cinema, com intervalo e sem continuação!
Eu quero continuar viva mesmo me sentindo um pouco morta.
E eu ainda quero morrer de novo outras mil vezes e ainda assim continuar viva!

Eu quero não precisar me explicar.
Eu quero um namorado sem ex-namorada …
Eu quero que as pessoas aprendam a caminhar sozinhas; que elas esqueçam do medo que as congelam; que criem coragem pra dizer na cara tudo aquilo que pensam e que possam sentir ainda aquele friozinho na barriga.
Eu quero sentir o calor do sol na minha pele, dentro de mim…
Eu quero sentir o vento que passa; a chuva que cai; o frio que surge de vez em quando.

Eu quero fazer barulho quando não puder, calar quando precisar falar e ser do contra quando der na telha…
Eu quero olhar além e me enxergar a frente!
Eu quero ainda continuar fazendo coisas das quais eu jamais vou me orgulhar, mas que sem dúvida, eu não arrependerei de provar!
Eu quero ser eu mesma e um outro alguém ao mesmo tempo.

Eu quero jamais deixar de acreditar e correr atrás daquilo que eu julgo ser verdade.
Eu quero continuar acreditando que lar é onde o nosso coração está.
Eu quero que o presente seja sempre muito bem vindo e que o passado esqueça o caminho de volta!
Eu quero paciência pra esperar pelo futuro…

Eu quero me atirar do lugar mais alto e voar de novo.
Eu quero caminhar pela rua sem saber onde vou chegar.
Eu quero ver o por do sol no alto do horizonte sem fim, ver a lua refletida num lago.
Eu quero cantar em voz alta…
Eu quero cair de bicicleta outra vez!

Eu quero me afogar na banheira, rir até perder o ar…
Eu quero passar horas deitada num parque olhando pro céu e pensando no nada.
Eu quero “querer” dar de novo o meu amor a alguém.
Eu quero fazer e acontecer.
Eu quero dançar e virar noites em claro…
Eu quero ser a minha melhor companhia pra sempre!

Eu quero fazer parte de um grupo mesmo não pertencendo a nada ou a ninguém…
Eu quero de novo pegar um avião pra qualquer lugar só pra ir ver um alguém.
Eu quero cair e me levantar,  olhar em volta e continuar.
Eu quero aprender sempre mais, errar ainda algumas vezes e testar tudo o bastante.
Eu quero entender o que não faz sentido!

Eu quero viver sem frescuras, sem limites…
Eu não quero ser lembrada, eu quero ser vivida!
Eu quero dar o meu melhor sorriso todas às manhãs na frente do espelho.
Eu quero acreditar que existe mesmo alguma coisa a mais, que as pessoas podem ser mesmo boas e que ainda existe salvação…
Eu quero que o fim seja de novo e mais uma vez a porta de entrada para um novo começo sempre!

2010 tô pronta, te quero muito e ai vou eu!

Smiling without no reason…

December 23, 2009

//

Today I decided just walking around before come back to home and when I saw this bike on the street something has changed.
I could not resist and I took this picture.
I was feeling great and now I’m feeling even better!
I’m smiling without no reason (always and again).
I feel like I could float.
Strange…
I miss you (…)  just for one day: TODAY
And it was just because that picture made me to reminds you…

É estranho...ter saudades do que eu nunca cheguei a ter.

[12-22-09 | 19h27]

S2

note: I recomend this song to ‘feel’ the mood:

AIR / All I need